/Bolsonaro recua da ideia de recriar ministério da Segurança Pública

Bolsonaro recua da ideia de recriar ministério da Segurança Pública

O presidente decidiu recuar da ideia inicial de desmembrar a Segurança Pública do ministério da Justiça comandado por Sérgio Moro depois de receber uma enxurrada de críticas no celular, enquanto estava a caminho da Índia, onde faz visita oficial. Dentre os questionamentos estavam a seguinte indagação: “Vai trocar Moro por Fraga?”

Alberto Fraga, ex-deputado federal, amigo e interlocutor do presidente questionou, em entrevista o trabalho de Moro à frente da área de segurança pública.  Para um interlocutor direto do presidente que o acompanha em viagem a Índia, durante o voo, o presidente compreendeu a confusão que criou e decidiu retificar o qu havia dito.

Bolsonaro também  pediu ao presidente em exercício Hamilton Mourão que chamasse Moro para uma conversa no Palácio do Planalto para acalmar os ânimos. Moro esteve lá na manhã desta sexta-feira (24/01) e saiu sem falar com a imprensa.

Caso leve adiante a ideia de recriar o Ministério da Segurança Pública, não há dúvidas em torno de Moro de que ele deixará o governo. Essa é umas principais bandeiras do ministro, que fez seguidos anúncios de redução de índices de criminalidade no País. Por ora, o recuo de Bolsonaro apazigou a situação, embora Moro não tenha engolido o fato de não ter sido convidado para a reunião com os secretário estaduais de segurança.

Comente com Facebook